Professor pede redação sobre sexo para crianças do 6º ano

Um professor de português da Rede pública do Distrito Federal foi afastado após dar uma aula sobre sexo, onde fazia referência a expressões explícitas.

A aula para alunos do 6° ano, com idades entre 11 e 12 anos, foi dada na quarta-feira (13) no Centro de Ensino Fundamental (CEF) 104, da Asa Norte.

Ele chegou a pedir uma redação sobre “sexo oral e anal”.

A imagem do quadro usado pelo professor para escrever as palavras a serem debatidas foi compartilhada nas redes sociais, causando indignação em pais que têm seus filhos na rede de ensino.

Professor do DF ensina sobre sexo.

(Foto: TV Globo / Reprodução)Os estudantes registraram também algumas falas do professor, entregando aos pais, que ficaram chocados com o tipo de conteúdo que os filhos estavam sendo expostos.

Para os pais trata-se de conteúdo pornográfico.

Segundo informou o G1, o professor era temporário e foi afastado pela Secretaria de Educação do DF.

Ele tem 25 anos e se chama Wendel Santana, e reconheceu que escreveu as expressões vulgares, mas a ideia era mostrar a diferença entre maneiras formais e informais de falar sobre a questão.

Categoria:Educação